Emily Owens M.D.

domingo, março 10, 2013


De uns tempos para cá, venho me interessando curiosamente (isso, estou sentindo uma reviravolta de conceitos que estou até confusa; mas isso é assunto para outro post), por séries médicas. A primeira foi Saving Hope, que me chamou a atenção por ter Erica Durance como personagem central (quem lembra da querida Louis em Smallville?) e Daniel Gillies, o Elijah de The Vampire Diaries. A partir daí comecei a pegar gosto por este gênero de séries. E a nova que caiu no meu gosto foi Emily Owens M.D.

Imagem

Suspeitei, desde que comecei a assistir que a nossa cirurgiã perdedora, tinha alguma semelhança com Maryl Streep (O Diabo veste Prada), e não foi engano nenhum, a insegura Dra. Owens é filha da atriz. Até as expressões são parecidas, sem contar na boa atuação. 

Emily enfim tem a chance de sentir-se adulta e responsável. Após seus anos nerds no colégio, se forma na faculdade de medicina e consegue um estágio no hospital de Denver, com seu melhor amigo Will Rider, por quem nutre uma paixão desde a faculdade. No entanto, destruindo qualquer expectativa de que sua vida poderia tornar-se melhor ao deixar o trauma do colégio de lado, a protagonista descobre que a vida dentro do hospital não é tão diferente. E para completar o seu pesadelo, a sua inimiga de colegial, que a atormentava com apelidos e fazia de sua vida um desastre, Cassandra Kopelson, também é uma das estagiárias da cardiologista Gina Beckett, que também atormenta o sono de Emily.

É interessante ver como no decorrer dos episódios, a nossa protagonista cresce como médica. Não é grande coisa, mas aos poucos nota-se sua evolução quando o assunto é lidar com os desafios dentro de um hospital. Emily aos poucos aprende a enfrentar alguns de seus medos, deixa de pensar tanto sobre algumas atitudes e resolve colocar seus planos em prática; o que não significa que todos terão sucesso. O legal é que no final de cada episódio temos a conclusão de cada situação vivida no decorrer de cada episódio  narrado pela própria personagem.

Imagem

O único ponto ruim sobre a série, é que só terá a primeira temporada, com treze episódios. Em meio às series canceladas para 2013, Emily Owens M.D., não alcançou a audiência desejada, deixando muitos fãs da série (inclusive eu, que estava realmente empolgada), na dúvida se continuam até o último episódio, ou param para depois não ficar aquele clima de saudade no ar. Eu, apesar de saber que vou me arrepender, vou acompanhar até o final, mesmo sabendo que vou querer, absurdamente, uma continuação.

  
  

Fica aí a dica!

You Might Also Like

5 Comentários

  1. Ainda não vi esta série mas parece-me muito bem :)

    ResponderExcluir
  2. Fiquei super afim de assistir essa série, parece ser muito boa.
    Bela dica Bru!

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Seriados médicos são muito bons. Até hoje não esqueço de Plantão médico e claro, House.

    Emily Owens parece ser muito bom.

    Beijo!!

    ResponderExcluir
  4. Fico p da vida quando as séries que eu gosto são "cortadas" por falta de audiência :/
    Não curto muito séries, não sei porque, sou impaciente demais pra ficar 40 - 50 min parada assistindo algo. Assisti e acompanhei pouquíssimas, a maioria direto pela televisão. Essa parece ser bem bacana, não sei se me prenderia, mas quem sabe quando eu puder respirar (ano de vestibular)eu não baixe? haha

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia esta série ainda, fiquei com vontade de assistir.

    Não conhecia seu blog também, adorei.

    Beijo.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! ♥

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images

Subscribe