A Culpa é das Estrelas - John Green

segunda-feira, fevereiro 18, 2013

Sempre enfrentei um problema quando a história de um livro ou filme trata de pessoas doentes, que provavelmente não irão ter um final feliz. O medo era de me envolver tanto com a história e que eu acabasse ficando dias pensativa e mal por isso. Mas aí resolvi dar uma chance para John Green, depois de acabar lendo um outro livro que teve alguém doente no meio e eu até que aguentei bem, e de ouvir falar tão bem de A culpa é das estrelas

Eu me arrependeria se não tivesse lido. O fato é que a história me cativou tanto quanto aquelas em que os personagens tem um final lindo e feliz. Cada palavra deste livro me fez refletir, até grifei vários trechos do livro para de vez em quando abri-lo e ler algumas frases, tipo aqueles livros de frases de auto-ajuda que tem algum efeito no seu dia.

Imagem
Hazel Grace é uma típica personagem adolescente, que encontra-se na fase  de descobrir o mundo, mas dentro dela o que a impede é o câncer que tem desde os treze anos. Seus pulmões não funcionam bem, o que a obriga a usar um aparelho para que possa respirar melhor, algo que ela consegue encarar com ironia e graça algumas vezes. 

É no grupo de apoio, onde não suporta mais ouvir Patrick, um sobrevivente do câncer dar palavras de superação que ela conhece Augustus Walters, um garoto atraente, amigo de Isaac, um dos garotos que também frequenta o Centro de Apoio. Logo ela descobre que ele também já foi vitima do câncer e teve de amputar uma perna, mas ao contrário de muitas pessoas na mesma situação, Augustus vê graça em cada detalhe da vida. Aos poucos, Hazel e Augustus tornam-se grandes amigos e compartilham de momentos que com o decorrer da história, mudam algumas coisas em Hazel. A personagem negativa passa a ser mais positiva, e melhor, mais sensível.

Os pais de Hazel também tem um papel importante na vida da personagem. Estão sempre a disposição e preocupados com a filha, o que geralmente a incomoda muito, mas que ela releva com um toque de humor.

John Green tem uma escrita simples, mas rica em prender o leitor. A história vai se desenrolando de um modo leve, e quando você vê, já está no final do livro, com um gostinho de quero mais - enrolei bastante, para ser sincera, mesmo louca para saber o final. Me encantei por Augustus e suas metáforas. Ele fez da Hazel uma pessoa mais confiante, possibilitou momentos na vida da personagem que a fez ver as coisas de modo mais leve, com um pouco mais de graça. Ele foi conquistando o coração dela aos poucos, com seu jeito encantador. As reflexões dos dois são bem interessantes, e me fizeram parar várias vezes para pensar sobre essa palavra pequena, mas que tem um sentido enorme: "Vida". Sem contar nas lágrimas que derramavam-se várias vezes.

A culpa das estrelas é um livro fascinante. E como eu citei no inicio, sobre a Hazel estar na fase de descobrir o mundo, mas estar impedida pela doença, preciso ressaltar que ela fez mais do que isso, ela descobriu a si mesma.

“Você está tão ocupada sendo você mesma que não faz ideia de quão absolutamente sem igual você é.”

You Might Also Like

8 Comentários

  1. Fui ler a culpa é das estrelas depois de ler tantas resenhas falando bem, não deu outra: me apaixonei... acho que ainda quero um Gus na minha vida, sério! hahaha
    Tenho um amor particular desde pequena pelo livro o pequeno príncipe e posso ousar dizer que A culpa é das estrelas chegou a empatar com meu PP.
    Também enrolei para terminar de lê-lo, isso é o que um livro maravilhoso faz com a gente. hahaha
    Sobre o 3 é demais, ainda não consegui assistí-lo, mas vou insistir em não perder essa chance hahaha

    ResponderExcluir
  2. Então neh... apesar de vc não dizer se ela morre ou não... quando eu gosto do livro sempre acabo chorando muito e ficando pensativa em relação a minha vida, de acordo com a época.
    Me lembro bastante de "A menina que roubava livros"... o final é triste e chorei muito. hj vejo que me ensinou coisas aquele livro. alguns livros fazem mais sentido depois de certo tempo.
    Obs: Realmente... a interação entre nossas postagem é bem legal. com certeza receberá varias outras visitas minhas :D; bjin

    ResponderExcluir
  3. Algumas pessoas já me indicaram ele mesmo. Mas como você, sinto receio de ler livros sobre pessoas doentes. Contudo, venho pensando seriamente lê-lo. Por conta de resenhas como a sua, estou tentado a adquiri-lo.

    Ele parece ser ótimo mesmo.

    Beijo!

    Bonito blog!
    Se quiser conhecer o meu blog sinta-se à vontade. Deixo o convite. ;)

    ResponderExcluir
  4. Bom, eu estou lendo A culpa é das estrelas e estou simplesmente encantada, principalmente pelo Gus, quero ele pra mim, tem jeito? rs
    Pretendo terminar de ler ele logo e já sei que vai entrar pra lista dos favoritos.

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Fiquei com uma enorme vontade de ler :D

    ResponderExcluir
  6. Ei li esse livro e adorei muito, quase chorei. Fiquei triste, porque depois que a Hazel leu o que o Gus escreveu pra ela o livro acabou. Fiquei apaixonada pelo John Green. Em março vão lançar mais um livro dele no Brasil e eu to louca pra comprar. Também fiz uma postagem sobre o livro.
    A culpa é das estrelas

    Beijos

    Mundo de Nati
    @meuamorpravoce

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! ♥

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images

Subscribe